quarta-feira , 22 de novembro de 2017
Início / Notícias / Engie atinge 1 milhão de horas sem acidentes com afastamento no Complexo Eólico Campo Largo

Engie atinge 1 milhão de horas sem acidentes com afastamento no Complexo Eólico Campo Largo


Reviewed by:
Rating:
5
On sexta-feira, 13 de outubro de 2017
Last modified:sexta-feira, 13 de outubro de 2017

Summary:

Engie atinge 1 milhão de horas sem acidentes com afastamento no Complexo Eólico Campo Largo

A ENGIE alcançou no mês de outubro 1 milhão e 35 mil horas sem acidentes com afastamento, o correspondente a 365 dias, na obra do Complexo Eólico Campo Largo, que está sendo implantado nos municípios de Umburanas e Sento Sé. Para comemorar o resultado, a empresa sorteou, na última quinta-feira (05), brindes entre os colaboradores.

Para chegar a este marco, a ENGIE investiu em ações, auditorias, treinamentos e conscientizações constantes com os trabalhadores. “Esse é um mérito de todos que compõe a obra e só aumenta nossa responsabilidade. Foram milhões de horas, atitudes no campo que garantiram que chegássemos a esses números, numa fase em que estamos com mais de 100 fundações concluídas”, destacou o gerente da obra, Murilo Boselli, enfatizando que os números provam que é possível fazer obra sem acidentes.

Prioridade da ENGIE

A segurança é um valor prioritário da ENGIE na implantação de seus empreendimentos. “Não existe obra, ganho de cronograma, economia de orçamento que justifique um acidente de trabalho, por isso a segurança sempre será a nossa primeira preocupação” afirmou o gerente do Projeto, Marcio Neves, destacando que a garantia de segurança não é responsabilidade apenas dos profissionais da área, mas de todos os envolvidos na obra.

Em conversa com os colaboradores Neves chamou a atenção para a importância de se manterem atentos às situações de riscos, em especial nessa fase final das obras civis, que estão sendo executadas pela Cortez Engenharia. “Na reta final dos trabalhos é natural que os profissionais relaxem, tornando o momento propício para acontecer acidentes. Sendo assim a gente reforça a importância de manter todas as ações de prevenção e de continuarmos alertas para as situações de perigo, pois só assim conseguiremos terminar esse projeto com segurança e sem acidentes”, alertou Neves.

O Complexo Eólico Campo Largo é o maior investimento em energia eólica no país, realizado pela ENGIE. O empreendimento, que deve começar a operar comercialmente em janeiro de 2019, poderá abastecer uma população de até 600 mil habitantes.

Comentários:


ATENÇÃO: Os comentários são de total responsabilidade dos autores e representam a opinião pessoal de cada leitor. O Jacobina Notícias poderá retirar, sem aviso prévio, comentários ofensivos ou com xingamentos.