segunda-feira , 25 de setembro de 2017
Início / Esportes / Goleiro da Juazeirense, Tigre cita pressão da torcida do Jacobina: ‘É algo diferente aqui no interior’

Goleiro da Juazeirense, Tigre cita pressão da torcida do Jacobina: ‘É algo diferente aqui no interior’


Reviewed by:
Rating:
5
On terça-feira, 11 de julho de 2017
Last modified:terça-feira, 11 de julho de 2017

Summary:

Goleiro da Juazeirense, Tigre cita pressão da torcida do Jacobina: 'É algo diferente aqui no interior'

No confronto baiano da segunda fase da Série D, houve igualdade no placar, no último domingo (9). No entanto, o placar de 2 a 2 deu a vantagem à Juazeirense de novamente empatar contra o Jacobina, desta vez no Estádio Adauto Moraes, neste sábado (15), ás 18h30 – 0 a 0 e 1 a 1 classificam o Cancão de Fogo.

Goleiro da equipe de Juazeiro, Tigre disse que a pressão da torcida do Jegue foi um fator determinado para sua equipe não sair vencedora do Estádio José Rocha. “Eu vejo que foi uma questão de eles terem que tomar a proposta do jogo, pois estavam jogando em casa. Conseguimos fazer o gol, mas, jogando dentro de casa, você sabe que a torcida deles empurra muito. É algo diferente aqui no interior da Bahia. Voltamos, ampliamos, mas num contra ataque eles empataram”, analisou, em entrevista ao Bahia Notícias.

Apesar de terem ficado à frente do resultado em duas oportunidades, Tigre considera o empate como proveitoso. “Eu vejo que foi bom. Observamos como a equipe deles joga. Alguns jogadores conhecem o esquema do Barbosinha [ex-técnico da Juazeirense]. Aqui dentro de casa temos que fazer valer o meio de campo”, acrescentou.

Se por um lado houve uma pressão em Jacobina, Tigre acredita que isso não acontecerá na partida de Juazeiro. Contudo, ele acha que os jogadores devem impor o ritmo dentro de campo. “Eu creio que, pelas peças que têm na Juazeirense, jogadores rodados e experientes em mata-mata, será um fator muito bom jogar em casa, no campo que trabalhamos e treinamos. Não temos apoio suficiente da torcida, porque não é aquela torcida de massa. Só que isso não entra em campo. Quem tem que fazer valer são os jogadores. Essa será uma semana para jogar bem e chegar no sábado determinados para a classificação”, concluiu.

Quem se classificar nesta fase encara Fluminense de Feira ou Campinense-PB nas oitavas de final.

Fonte: Bahia Notícias (Por Matheus Caldas)
Fotos: Robson Guedes / Jacobina Notícias

Comentários:


ATENÇÃO: Os comentários são de total responsabilidade dos autores e representam a opinião pessoal de cada leitor. O Jacobina Notícias poderá retirar, sem aviso prévio, comentários ofensivos ou com xingamentos.