quarta-feira , 22 de novembro de 2017
Início / Bahia / Operação da PF prende suspeitos que desviaram mais de R$57 milhões da Educação na Bahia

Operação da PF prende suspeitos que desviaram mais de R$57 milhões da Educação na Bahia

A Polícia Federal realizou na manhã desta segunda-feira (13) uma operação para prender quatro pessoas suspeitas de forjar licitações em parceria com agentes públicos, em troca de propina. O grupo apontado pela PF desviava recursos federais voltados para a educação do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb).

Operação da PF prende suspeitos que desviaram mais de R$57 milhões da Educação na Bahia

A Operação Águia de Haia acontece simultaneamente na Bahia, São Paulo, Minas Gerais e Distrito Federal. Cerca de 450 policiais federais cumpriram hoje 96 mandados de busca e apreensão, além dos quatro mandados de prisão preventiva.

O valor total desviado pela quadrilha ainda não foi contabilizado, mas apenas na Bahia, há prova da atuação da quadrilha em dezoito municípios. O montante de verbas públicas desviado atinge R$57.173.900 milhões.

Ainda de acordo com a PF, os bandidos atuam desde 2009, mas iniciaram os crimes em São Paulo e só depois migraram para Minas Gerais. Em 2010 eles passaram a atuar na Bahia e fizeram do estado a sua base principal.

Entre os anos de 2010 a 2014, eles conseguiram desviar verbas em dezoito municípios da Bahia, um em Minas Gerais e um em São Paulo. Os suspeitos serão indiciados por crimes licitatórios, corrupção ativa e passiva, além de formação de quadrilha.

Operação da PF prende suspeitos que desviaram mais de R$57 milhões da Educação na Bahia

Comentários:


ATENÇÃO: Os comentários são de total responsabilidade dos autores e representam a opinião pessoal de cada leitor. O Jacobina Notícias poderá retirar, sem aviso prévio, comentários ofensivos ou com xingamentos.