sábado , 23 de setembro de 2017
Início / Bahia / Sete pessoas são mortas no bairro Cajazeiras em menos de 24h

Sete pessoas são mortas no bairro Cajazeiras em menos de 24h


Reviewed by:
Rating:
5
On sábado, 8 de julho de 2017
Last modified:sábado, 8 de julho de 2017

Summary:

Sete pessoas são mortas no bairro Cajazeiras em menos de 24h

Do fim da noite de sexta-feira, 7, até o fim da tarde deste sábado, 8, sete pessoas foram mortas em diferentes localidades do bairro de Cajazeiras, em Salvador. Os homicídios aconteceram após dois policiais militares terem sido baleados em Cajazeiras XI, quando faziam ronda na região.

Segundo informações da Superintendência de Telecomunicações das Polícias Civil e Militar (Stelecom), o primeiro crime registrado após a morte dos policiais aconteceu na avenida Dois de Julho, que liga Águas Claras a Cajazeiras XI, por volta das 23h35 de sexta. Um homem, que não teve a identidade revelada, foi atingido com tiros na cabeça.

Logo depois, por volta de 00h49, na região de Boca da Mata, no conjunto habitacional Fazenda Grande IV, Dorival Santos Cabé, de 39 anos, foi morto a tiros por, segundo testemunhas contaram à polícia, homens que estavam dentro de um carro, identificado como um Voyage da cor prata.

Às 02h14, dois homens foram mortos na própria casa, localizada em Fazenda Grande II, rua Jaguaribe, setor B, após, segundo testemunhas, quatro homens encapuzados invadirem a residência e atirarem nas vítimas. Os dois homens seriam irmãos.

Novamente em Águas Claras, o corpo de um homem, que não teve a identidade revelada, foi encontrado ao lado de uma lixeira, na rua Lomanto Júnior, no final de linha da localidade. Havia marca de tiros na cabeça, pescoço, ouvido e tórax.

No início da manhã, por volta das 5h49, um homem foi atingido por tiros, no bairro de Fazenda Grande II, na rua Jaguaribe I. E, por fim, por volta de 12h49, um corpo foi encontrado na rua Geraldo Brasil, em Cajazeiras XI, próximo a um empreendimento da Tenda.

A reportagem do Portal A Tarde tentou entrar em contato com a Secretaria de Segurança Pública (SSP) do Estado sobre a possibilidade de haver relação entre os homicídios e os dois policiais militares baleados na sexta-feira, mas não obteve resposta.

Comentários:


ATENÇÃO: Os comentários são de total responsabilidade dos autores e representam a opinião pessoal de cada leitor. O Jacobina Notícias poderá retirar, sem aviso prévio, comentários ofensivos ou com xingamentos.