O inverno começa nesta quinta-feira (20), às 17h51, pelo horário de Brasília, e, neste ano, terá muita influência do fenômeno La Niña. A mesma estação no ano passado foi marcada pelo El Niño, um dos responsáveis pelas ondas de calor vivenciadas pelo Brasil.


Ao longo do inverno de 2024, o Oceano Pacífico fará transição da fase neutra para o fenômeno La Niña. É mais provável que o fenômeno comece oficialmente entre julho e agosto. Durante a fase neutra, o resfriamento segue ocorrendo ao longo da faixa equatorial do Pacífico, e mesmo sem a configuração oficial do fenômeno, alguns efeitos já poderão ser percebidos na atmosfera a partir de julho.


O oceano Atlântico ainda estará bastante aquecido na região tropical no início do inverno, embora seja notável a perda de calor nas últimas semanas em regiões mais distantes da costa brasileira. Ao largo da faixa litorânea, entre o Rio Grande do Norte e o Espírito Santo, as águas seguem aquecidas, fornecendo mais calor para a atmosfera, o que aquece regiões adjacentes. Este aquecimento tende a diminuir no decorrer do inverno, e áreas mais distantes da costa continuarão se resfriando.

O Atlântico subtropical tende a se aquecer lentamente durante o inverno, especialmente em áreas próximas da costa de Santa Catarina até o Rio de Janeiro, em função do frequente escoamento de ar quente do interior do país para estas regiões. Em alguns períodos de escoamento de ar quente persistente, pode ocorrer ressurgência em pontos do litoral paulista e fluminense, o que favorece nevoeiros marítimos.

Confira abaixo a previsão do tempo para o inverno em cada uma das regiões, clicando nos links:


SUL: Chuva, frio, neve, geada? Veja como será o inverno na região

SUDESTE: Saiba quando pode vir o ar polar – e também onda de calor

CENTRO-OESTE: Possíveis ondas de calor e geadas na estação

NORDESTE: Chuva volumosa e calor acima da média vão marcar inverno no Nordeste

NORTE: Estação terá altas temperaturas mas também friagens


Fonte: Canal Rural


Jacobina Notícias- O seu portal de informações 

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem