Header Ads

Em delação, Eike promete falar de Lula, Cabral, Cunha e mais

Eike Batista negocia com os procuradores do Rio de Janeiro qual deve ser o teor da sua delação premiada. De acordo com o colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo, o empresário já prevê falar de propinas envolvendo o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a Sete Brasil.



Além disso, Eike promete revelar sobre propinas pagas ao ex-governador do Rio Sérgio Cabral para liberações de seus projetos nos órgãos ambientais.


O milionário também afirma que falará sobre a propina que deu a Eduardo Cunha e a Lúcio Funaro para que o FI-FGTS investisse R$ 750 milhões na LLX (atual Prumo).


Mas os esquemas não param por aí. Eike também está disposto a detalhar sobre a propina paga a congressistas para que a lei que legaliza os cassinos fosse aprovada.


Para completar, a coluna refere que o empresário acusará seus ex-executivos Paulo Mendonça e Marcelo Torres de comandarem um esquema de manipulação na bolsa com ações de empresas do grupo X.


O acordo de delação de Eike com os procuradores ainda não foi aceito, para que os investigadores ainda não estão satisfeitos com 'apenas' essas revelações.


Notícias ao Minuto

Comentários:

ATENÇÃO: Cada comentário representa a opinião pessoal do leitor. O Jacobina Notícias não se responsabiliza pelas opiniões expostas aqui. No entanto, comentários ofensivos ou com xingamentos podem ser removidos.
Tecnologia do Blogger.