Header Ads

Justiça espanhola dá ordem de prisão a ex-governador da Catalunha

A juíza espanhola Carmen Lamela emitiu nesta sexta-feira um mandado de prisão internacional para o ex-governador da Catalunha, Carles Puigdemont, e quatro de seus ex-ministros, elevando a possibilidade de uma batalha legal para forçar o retorno dos políticos para a Espanha. Eles fugiram para a Bélgica nos últimos dias e se recusaram a se apresentar à juíza na quinta-feira, alegando que a convocação tinha motivos políticos.



Agora cabe a um juiz belga decidir em até 15 dias se vai executar o mandado de prisão. Se Puigdemont concordar em se extraditado, seu retorno à Espanha se dará dentro de 10 dias. Caso ele se recuse, autoridades belgas têm até dois meses para repatriá-lo.


A ordem da juíza Lamela foi dada um dia depois dela enviar nove ex-membros do governo de Puigdemont para a prisão. Eles são investigados por rebelião, insubordinação e apropriação indevida de dinheiro público na sua tentativa de separar a Catalunha do resto da Espanha.


A empreitada segregacionista, liderada por Puigdemont, culminou com uma declaração de independência há uma semana. Em seguida, o governo do primeiro-ministro Mariano Rajoy anunciou a tomada de controle da região.


Estadão Conteúdo

Comentários:

ATENÇÃO: Cada comentário representa a opinião pessoal do leitor. O Jacobina Notícias não se responsabiliza pelas opiniões expostas aqui. No entanto, comentários ofensivos ou com xingamentos podem ser removidos.
Tecnologia do Blogger.