Header Ads

Polícia Civil e Guarda Municipal erradicam plantação de maconha no município de Jacobina


Neste final de semana, em trabalho conjunto, Policiais Civis do Núcleo de Combate às Drogas da 16º Coorpin, sob a coordenação dos delegados Eduardo Brito e Manuela Rodrigues, e a Guarda Civil Municipal,  sob o comando do CMT Jailson Dias, localização uma plantação de maconha no interior do município de Jacobina, entre o distrito de Lages do Batata e a cidade de Várzea Nova.

A terra preparada para o cultivo da droga, ficava localizada dentro da Fazenda Conceição, à margem direita da Rodovia BA 144, em meio a um plantio de Sisal.

Segundo a polícia, no cultivo da droga eram utilizados  aproximadamente mil metros quadrados de área, dotada de grande infraestrutura de irrigação, como sistema de bomba e encanação para gotejamento, área de secagem e acondicionamento com uma prensa artesanal, além de defensivos agrícolas e fertilizantes.


O plantio foi considerado pela polícia como plantio permanente, sendo encontrado um canteiro de mudas, onde após cada colheita era feita o replantio da droga.

De acordo com a polícia, as investigações conjuntas e troca de informações começaram após a apreensão de quase 20 kg de maconha,  nos dias 27/05 e 28/05, às margens de estradas eu cortam Jacobina. Essas  apreensões foram realizadas pela Policia Civil e Guarda Municipal, respectivamente,  quando foram localizados drogas  acondicionadas em sacos de náilon, desencadeado um amplo trabalho de investigação da polícia.

No momento da chegada da polícia ao local da plantação de maconha,  ninguém foi preso, mas o proprietário da roça já foi identificado juntamente com seus auxiliares, e o delegado irá solicitar da justiça as medidas cautelares cabíveis dentro do devido inquérito policial.

Os delegados Eduardo Brito e Manuela Rodrigues afirmam que estão mobilizados no combate ao tráfico de drogas na região de Jacobina.

Na opinião da polícia, o tráfico de drogas é o principal percussor de outros delitos, inclusive os crimes de homicídio, praticados em sua maioria por associações criminosas na disputa por áreas e pontos de venda e comercialização do entorpecente.

O Departamento de Polícia Técnica foi solicitado ao local onde procedeu a devida perícia e coleta de amostras e posteriormente foi realizado a incineração do restante da droga.


Font: 16ª Coorpin

Comentários:

ATENÇÃO: Cada comentário representa a opinião pessoal do leitor. O Jacobina Notícias não se responsabiliza pelas opiniões expostas aqui. No entanto, comentários ofensivos ou com xingamentos podem ser removidos.
Tecnologia do Blogger.