Header Ads

Comerciante é assassinado a tiros dentro de carro em Conceição do Coité


O comerciante do ramo de artesanato Gilberto Oliveira dos Santos, 40 anos, conhecido por Beto Móveis ou Beto Mandacaru, foi assassinado a tiros por volta das 20h desta sexta-feira, 17, na região da Fazenda Pedreira, próximo ao Cemitério Recanto da Saudade (cemitério novo) de Conceição do Coité.

A vítima como de costume foi visitar uma sobrinha, e tinha no carona do carro uma irmã, quando deixava o terreiro da casa apareceram dois indivíduos armados e a pé, gritando “perdeu, perdeu, e ordenou que a irmã descesse com as mãos para cima, logo em seguida fizeram vários disparos contra Beto, dentro do carro.

A Brigada Anjos da Vida foi acionada, prestou socorro, mas ele não resistiu e morreu quando estava sendo socorrido para o hospital. Segundo relatos dos socorristas, enquanto seguiam com a vítima, jogaram uma pedra contra a ambulância e teve o para-brisa quebrado. Não se sabe quem e nem de onde foi lançada a pedra.

A cidade está abalada e muita gente se perguntado o que motivou a morte de Beto, muitos acreditam que ele pode ter sido morto por engano, pois, amigos afirmam que era uma pessoa tranquila e se dedicava apenas a família e ao trabalho. Até o fechamento dessa matéria, não havia informações sobre autoria e motivação do crime. A Polícia Militar continua em diligência no sentido de tentar encontrar os assassinos.

Na sua página do Facebook tem um vídeo que ele aparece dando manutenção em ar condicionado.


Beto Móveis se tornou conhecido por ser o proprietário de uma loja de móveis na Rua padre Madureira, em Coité, mas ele fechou a empresa e vinha trabalhando com a fabricação e vendas de objetos de decoração.

A população coiteense conheceu bastante o pai dele conhecido como “Painho Preto” da Lajinha. Ele tem um irmão por parte de pai, o padre José Carlos, da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição do Raso, em Araci.

Fonte: Calila Notícias

Comentários:

ATENÇÃO: Cada comentário representa a opinião pessoal do leitor. O Jacobina Notícias não se responsabiliza pelas opiniões expostas aqui. No entanto, comentários ofensivos ou com xingamentos podem ser removidos.
Tecnologia do Blogger.