Header Ads

Bahia vence Botafogo e se afasta da zona de rebaixamento do Brasileiro


O Bahia superou o Botafogo por 1 a 0 na tarde deste sábado, 20, no Engenhão, em partida válida pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro, e subiu na tabela de classifcação. Agora com 37 pontos, o Esquadrão passou o adversário e alcançou, temporariamente, a zona de classificação para a Sul-Americana.

O único gol da partida foi marcado por Edigar Junio, que entrou no segundo tempo, no lugar de Gilberto. Já aos dois minutos, ele aproveitou a cobrança de falta de Ramires e cabeceou para abrir o placar. 

O Bahia manteve a supremacia em cima do Botafogo nesta temporada. Há pouco menos de três semanas, os baianos eliminaram os cariocas nas oitavas de final da Copa Sul-Americana, em cobrança de pênaltis, no Engenhão. Venceu em Salvador por 2 a 1, mas perdeu no Rio pelo mesmo placar. No primeiro turno, na Arena Fonte Nova, houve empate por 3 a 3 e agora a volta com vitória por 2 a 1. O time alvinegro estava invicto há cinco jogos.

A estratégia do técnico Zé Ricardo era buscar o gol logo, tanto que escalou o time com três atacantes: Rodrigo Pimpão, Kieza e Luiz Fernando. De outro lado, já prevendo isso, Enderson Moreira reforçou a marcação do Bahia, escalando o volante Nilton ao lado de Gregore e só deixando Gilberto isolado na frente.

Mas a presença de mais jogadores no meio de campo permitiu ao Bahia explorar bem as descidas de seus laterais - tanto Nino Paraíba pela direita, como Léo pela esquerda. As chances de gols começaram logo a aparecer. Aos 18 minutos, a defesa botafoguense perdeu na saída de bola e permitiu o contra-ataque com a finalização de Paulinho, defendida por Saulo.

Aos 21 minutos, Nino Paraíba desceu pela direita e cruzou forte, com a bola cruzando toda a pequena área do Botafogo de forma perigosa. A jogada saiu também do outro lado com Léo, que cruzou rasteiro e encontrou na segunda trave o garoto Ramires. Ele tocou na bola, porém mandou para fora.

Com muitos erros de passes, o Botafogo não tinha a transição. Mesmo com três atacantes não tinha poder de finalização. A rigor só chutou uma bola de longe com Luiz Fernando, defendida pelo goleiro Douglas. A torcida vaiou o time na saída para os vestiários.

No intervalo, o Bahia trocou Gilberto, que tinha recebido uma pancada no joelho esquerdo, por Edigar Junio. Deu sorte porque o novo atacante abriu o placar aos dois minutos. Após falta cobrada por Nino Paraíba até a pequena área, Edigar Junio cabeceou. A bola ainda tocou nas costas de Igor Rabello, que antes não conseguiu cortar o cruzamento.

O Bahia quase ampliou aos seis minutos, em um chute cruzado de Paulinho que passou perto da trave esquerda. Zé Ricardo começou a mexer no seu time. Tirou o volante Jean para a entrada do atacante Erik. Depois trocou Rodrigo Pimpão por Marcos Vinícius. A equipe quase empatou aos 21 minutos, após levantamento na área e ajeitada de cabeça de Igor Rabello. Na pequena área, Kieza dividiu com Douglas, mas o goleiro levou a melhor.

A melhor chance, porém, esteve nos pés de Erik aos 28 minutos. Ele foi lançado em diagonal por Bochecha, disparou sozinho e na frente do goleiro tocou cruzado, porém para fora. Aos 37, Kieza chegou tarde para dividir com Douglas, que fez a defesa na pequena área.

À esta altura, a torcida do Botafogo já tinha perdido a paciência. Vaiou e entoou o coro de time sem vergonha. O clima de desespero tomou conta dos botafoguenses, que só teriam chance de empatar em um lance isolado. Mas ele não aconteceu. Os insistentes chuveirinhos foram cortados pela defesa e as finalizações não aconteceram, pelo menos de forma perigosa.

No próximo sábado, 27, o Bahia enfrenta o Corinthians, em São Paulo, a partir das 19 horas. Antes disso, nesta quarta-feira, às 21h45, vai enfrentar o Atlético-PR, em Salvador, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa Sul-Americana.

Fonte: Estadão Conteúdo

Comentários:

ATENÇÃO: Cada comentário representa a opinião pessoal do leitor. O Jacobina Notícias não se responsabiliza pelas opiniões expostas aqui. No entanto, comentários ofensivos ou com xingamentos podem ser removidos.
Tecnologia do Blogger.