Header Ads

Preso acusado de esfaquear e matar ex-candidato a vereador em Capim Grosso


Policiais militares da 91ª Companhia Independente de Polícia Militar - CIPM, prenderam o homem acusado de esfaquear e matar o ex-candidato a vereador de Capim Grosso, Rosenildo Oliveira Carneira, 38 anos, o Nildo do Quiosque.

Conforme a nota divulgada pela Polícia Militar, por volta das 18h30, a central recebeu ligações informando que um crime havia ocorrido e que a vítima seria Nildo. Já no local, os policiais colheram informações com testemunhas, que apontaram Edemilton Gonçalves da Silva, natural de Capim Grosso, conhecido por Leão, como a pessoa que teria desferido o golpe de faca que vitimou Nildo. O acusado apresenta problemas mentais, segundo disseram alguns moradores.

Após o crime, os policiais realizaram diligências pela cidade e prenderam o suspeito, que foi apresentado na Delegacia de Polícia para que se adotassem as medidas cabíveis.  

Em nota, o Comando da 91ª CIPM lamentou o ocorrido e transmitiu forças à família. "A PM, através de seus representantes, transmite os sinceros sentimentos à família. Nildo era querido pela corporação e pela cidade de Capim Grosso. Homem participativo e atuante na defesa da sociedade", finaliza.


O crime

De acordo o Blog do Ril de Beto, Nildo foi esfaqueado uma única vez, no peito, enquanto trabalhava em seu quiosque. Ele ainda chegou a ser socorrido para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas não resistiu aos ferimentos e morreu minutos depois.

Nildo foi candidato a vereador  no município de Capim Grosso nas eleições de 2012 e 2016. O corpo dele foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Jacobina. O velório e sepultamento acontecerão em Capim Grosso, mas o local e horário não foram divulgados.

Redação Jacobina Notícias