Header Ads

Vitória sai na frente, mas leva virada do Botafogo-SP na estreia da Série B


O Vitória começou com derrota a sua participação na Série B do campeonato Brasileiro 2019. Na manhã deste sábado, 27, em partida válida pela 1ª rodada, o Rubro-Negro perdeu de virada para o Botafogo-SP por 3 a 1. O embate foi realizado no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, no interior paulista. O gol do Leão foi marcado pelo jovem da base Caíque Silvio - em seu primeiro jogo no elenco profissional. Já a equipe paulista assinalou com Rafael Costa (2) e Edcarlos, contra a própria meta.

O duelo era de grande peso para os dois lados. Para o mandante, o retorno à Série B após 16 anos e, para o Vitória - rebaixado no ano passado -, o comando de um novo presidente, eleito na última quarta-feira, 24, além da responsabilidade de amenizar o vexame depois de três eliminações nesta temporada.

Com o revés, o Vitória aparece em penúltimo na tabela de classificação, mas ainda espera o complemento da rodada. O Rubro-Negro volta a campo no próximo sábado, 4. às 16h30, contra o Vila Nova, quando fará a estreia diante da sua torcida, no Barradão.

O jogo

Nos primeiros minutos da partida foi possível perceber que apesar de ser considerado o favorito do duelo (já que estava na elite do futebol brasileiro há três anos consecutivos) - o Vitória não teria facilidade diante do Botafogo-SP. A oportunidade inicial do Rubro-Negro veio logo no primeiro minuto, com um lance entre Andrigo e Caíque Silvio, onde, após lançamento de Andrigo para o gol, defesa tricolor conseguiu tirar pela linha de fundo. 

 Cinco minutos depois dessa oportunidade, o Leão viu o adversário abrir o placar durante cobrança de escanteio. Rafael Costa recebeu na área, marcou, mas árbitro deu impedimento e anulou o gol. A chance perdida serviu de ânimo para o Botafogo que, por vezes, conseguiu recuperar a bola e chegar na área de ataque mostrando risco para o time visitante. Erick teve boas oportunidades, mas, em todas elas, o goleiro Caíque estava atento e defendeu os lances. 

No retorno do intervalo, as duas equipes voltavam decididas a mudar o cenário da partida que, até então, estava em 0 a 0. A primeira chance foi do Vitória, depois do atacante da base Caíque Silvio receber lançamento de Andrigo e abrir o placar no Estádio Santa Cruz. 1 a 0. 

Três minutos depois de sofrer um gol, o Botafogo quase marca o seu. Sozinho, Rafael Costa ficou cara a cara com goleiro rubro-negro, chutou, mas Caíque defendeu com a ponta do pé. Não demorou muito para o empate chegar, aos treze, Rafael recebeu na entrada da área do Vitória, bateu rasteiro e empatou. 

A partir daí o Tricolor começou a crescer e o Vitória, que pouco conseguia chegar na área de ataque, reduzir o desempenho. O cenário começou a mudar aos 32 minutos, quando Rodrigo Andrade derrubou Felipe Saraiva dentro da área. Pênalti marcado. Rafael Costa foi pra cobrança e deixou tudo igual em Ribeirão Preto. 1 a 1. 

Aos 35, Rafael ficou livre, avançou com a bola, Edcarlos tentou evitar gol e, na dividida com jogador adversário acabou marcando contra. A partida começou a ficar mais disputada, porém, o Rubro-Negro não conseguia evoluir.  Faltando poucos minutos para o jogo acabar, o técnico Claudio Tencati tirou Neto Baiano de campo e colocou Léo Ceará, mas, nem mesmo essa substituição ajudou o Leão que, de virada saiu derrotado na sua estreia do Brasileirão 2019. 


Por Silvânia Nascimento / A Tarde