Header Ads

Dentista vítima de acidente entre Jacobina e Miguel Calmon não resiste e morre


A dentista Daniela Paula Silva Oliveira, 44 anos, não resistiu aos ferimentos que sofreu no acidente ocorrido por volta do meio-dia desta terça-feira (14), na BA-131, entre os municípios de Jacobina e Miguel Calmon. A colisão frontal, que aconteceu na região da comunidade de Curral velho, município de Miguel Calmon, envolveu o carro de Antônio Evanaldo Correia de Miranda, 52 anos, conhecido como Vaninho, e o da Dra. Daniela. 

Evanaldo não resistiu e morreu no local do acidente. Ele era guarda florestal no Parque Estadual Sete Passagens, em Miguel Calmon. Daniela sofreu fratura e lesões na região do tórax, tendo que ser socorrida para Jacobina. Em seguida, ela foi transferida para o Hospital da Bahia, em Salvador, onde não resistiu aos ferimentos. 

Segundo informações de uma colega de trabalho, Dra. Daniela tinha um consultório odontológico no centro de Jacobina e era servidora pública do município. Ela atendia no Centro de Especialidades Odontológicas (CEO), mas estava de licença-prêmio. A dentista também atendia no município de Miguel Calmon, de onde voltava após uma manhã de trabalho, e em Várzea Nova, distante cerca de 60 quilômetros de Jacobina.

As causas do acidente ainda são desconhecidas. O corpo de Daniela será transladado para Jacobina, mas não há informações sobre horário e local do velório e sepultamento. A morte precoce da Dra. Daniela causa comoção em Jacobina, Miguel Calmon e em Várzea Nova.

Fonte: Jacobina Notícias