Salvador contará com helicóptero, 56 ambulâncias, e 'ambulancha' na Copa América


Um esquema especial montado pela prefeitura de Salvador para atender à população durante os jogos da Copa América na cidade contará com 60 guardas civis, 56 ambulâncias e um helicóptero para casos de emergências.

A capital baiana vai sediar cinco jogos da competição, entre 18 e 29 de junho. As partidas na cidade começam no sábado (15), com o confronto entre Argentina e Colômbia, e prosseguem nos dias 18, com Brasil x Venezuela; 21 de junho, com Equador x Chile; 23 de junho, com Colômbia x Paraguai; e 29 de junho, com um dos confrontos das quartas de final.

Saúde

A prefeitura informou que os torcedores poderão contar com as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) Barris e Brotas, assim como o Samu 192, que estarão de retaguarda para dar suporte às possíveis ocorrências provenientes do estádio e entorno.

Para os casos de alta complexidade, o Hospital Municipal de Salvador, localizado no bairro da Boca da Mata, permanecerá de prontidão. Também serão disponibilizadas 56 ambulâncias, oito "motolâncias", uma "ambulancha" (unidade móvel montada em uma lancha) e um helicóptero para facilitar o atendimento em casos de urgência ou emergência.

As equipes das vigilâncias Sanitária e Ambiental realizarão a intensificação da fiscalização em estabelecimentos como bares, hotéis, restaurantes e pousadas, para evitar e minimizar possíveis intoxicações por manipulação inadequada de alimentos.

Os agentes também vão fazer verificações para garantir a qualidade da água para consumo humano e a monitoração da qualidade do ar nas regiões de grande circulação.

Trânsito e transporte

Salvador terá linhas de ônibus reforçadas e serviço de transporte exclusivo durante os jogos da Copa América.

Conforme a prefeitura, os torcedores poderão contar com a frota de ônibus da cidade, que estará operando normalmente. As linhas que circulam ao longo da orla marítima e área central, onde estão localizados os hotéis que vão abrigar as delegações e torcedores, terão o atendimento reforçado.

A capital ainda terá mudanças e bloqueios no trânsito nos dias em que haverá partidas da competição na Arena Fonte Nova. O esquema envolve, ainda, desvios de tráfego, barreiras fixas e móveis.

Durante os jogos, oito barreiras fixas e 16 móveis serão instaladas três horas antes das partidas e começam a ser retiradas uma hora após os jogos. Esses bloqueadores delimitarão o perímetro, conforme orientação do Comitê Organizador Local (COL).

Para quem utilizar ônibus ou metrô, serão montadas rotas especiais para facilitar o acesso desses pedestres à Arena. Já os moradores da região do estádio terão acesso autorizado às residências mediante apresentação do comprovante de residência original, sem restrição de horário. A exceção é aplicada para as casas localizadas na Ladeira da Fonte das Pedras por conta do fluxo de pedestres, dependendo das condições de segurança da via.

Guarda Civil

A prefeitura informou que a segurança dos jogos terá o apoio da Guarda Civil Municipal (GCM), que atuará com cerca de 60 agentes para atender ao fluxo de pessoas nas ruas, além de prestar apoio às secretarias de Ordem Pública (Semop) e Mobilidade (Semob), e à Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador). Os agentes também realizarão escoltas de seleções e árbitros entre aeroporto, hotel e estádio.

Manutenção

A Secretaria Municipal de Manutenção (Seman) informou que tem realizado, durante todo este mês, a revisão de todos os dispositivos do sistema de drenagem com a desobstrução das caixas de sarjeta, substituição de grelhas e reposição de placas em concreto armado que servem como tampas destes dispositivos. Todos os passeios públicos do entorno da Arena também estão sendo vistoriados, conforme o órgão.

A Operação Tapa Buracos acontece no entorno da Arena Fonte Nova, Dique do Tororó, Barris e no acesso das avenidas Centenário, Vasco da Gama e Bonocô. A estimativa é que se utilize cerca de 200 toneladas de asfalto usinado a quente na ação.

A Seman informou que foi finalizada a poda dos vegetais na região de Nazaré, em especial nos logradouros Boulevard América e Boulevard Suíço. O serviço prossegue em todo o Dique do Tororó.