Header Ads

Quatro desembargadores do TRT5-BA são alvos de operação


Quatro desembargadores do Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT5-BA) foram alvos nesta quarta-feira, 11, da Operação Injusta Causa, deflagrada pela Polícia Federal (PF). O objetivo da investigação é desarticular um possível esquema de venda de decisões judiciais e tráfico de influências no estado.

Por meio de nota, o TRT5-BA esclareceu que, em razão da investigação determinada pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), envolvendo quatro desembargadores, agora aguarda o julgamento e as soluções que serão adotadas (confira abaixo íntegra da nota). Os nomes dos envolvidos não foram divulgados. 

Na ação da PF, foram cumpridos 11 mandados de busca e apreensão em órgão público, escritório de advocacia e nas residências dos investigados. Ao Portal A TARDE,  o TRT5-BA informou que está colaborando com as solicitações da PF.

Nota do TRT5-BA

Em vista dos fatos noticiados nesta data, o Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT5-BA) esclarece que, em razão de investigação determinada pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), que tramita em segredo de justiça, envolvendo quatro desembargadores, foram cumpridas diligências ordenadas pelo Exmo Ministro Relator, estando este Tribunal no aguardo do julgamento e das soluções que serão adotadas.