Mulher trans não resiste e morre vítima de intoxicação em Jacobina


Antônio Marcos Lima de Pinho, 31 anos, conhecida como Bárbara, como optava ser chamada por conta de sua identidade de gênero, morreu na madrugada desta quarta-feira (23) no Hospital Municipal Antônio Teixeira Sobrinho (HMATS), em Jacobina, após ter ingerido substâncias tóxicas.

Bárbara residia no bairro da Serrinha, onde o caso teria ocorrido na última segunda-feira (21). Desde então, os médicos tentavam salvar a vida dela. Entretanto, nesta madrugada, ela não resistiu e faleceu devido as complicações clínicas. Ainda não há informações sobre o que teria levado Bárbara a ingerir os produtos tóxicos.

Amigos usam as redes sociais para lamentar sua morte. "Tu era tão forte, tão sorridente", lamentou uma amiga.

Por Robson Guedes / Jacobina Notícias