USF Ladeira Vermelha realiza atendimentos na carceragem em Jacobina

No Brasil há um grande déficit na atenção básica no que diz respeito ao atendimento a públicos que sofrem algum tipo de vulnerabilidade social, não que lhes falte o serviço, mas sim as dificuldades que cercam estes ambientes e estes indivíduos. 

Dependentes químicos, encarcerados, pessoas que sofrem de algum tipo transtorno e não procuram os serviços, mas falando especificamente sobre aqueles que por algum motivo foram cerceados da liberdade  judicialmente, faz-se necessário entender que o trabalho de atendimento médico, faz parte da reinserção destas pessoas na sociedade. 

“Na verdade por meio deste serviço a Prefeitura acaba realizando atividades multissetoriais, trazemos os serviços de saúde com toda equipe, realizando diversas atividades, e consequentemente isso é uma contrapartida social, é enxergar o ser humano de forma igualitária, entendendo que só é possível transformar vidas, quando estendemos a mão, assim construiremos uma sociedade mais humana” relatou a coordenadora da unidade, Helen Mesquita. 

Atualmente a carceragem em Jacobina conta com 90 presos, sendo disponibilizado aos mesmos, serviços de imunização como ocorreu nesta sexta-feira (29), onde já foram contemplados com a campanha nacional de vacinação contra o sarampo, testes rápidos (glicemia, aferição de pressão arterial) administração de medicamentos e atendimento médico. 

Segundo a Assistente Social do Complexo Policial, Gilvanícia Brasil (Gil), é gratificante ver o trabalho desenvolvido pelo município, o que comprova o desprendimento da gestão e dos seus colaboradores. “Gostaria de agradecer à equipe de saúde da família, sempre solícitos e parceiros, na luta pelo bem, prestando seus trabalhos de forma muito solidária, provando que, mesmo àqueles que cometeram  algum tipo de delito, podem ser contemplados com a prestação do serviço de saúde” disse Gilvanícia . 

O trabalho realizado no complexo policial ocorre uma vez  ao mês e conta com equipe de agentes comunitários de saúde, técnicos, enfermeira, médico, dentista e vacinador disponibilizando os mesmos serviços do PSF.