Médica Nise é suspensa do Hospital Albert Einstein por defender cloroquina


A médica imunologista e oncologista Nise Yamaguchi, conhecida por sua defesa pela prescrição da hidroxicloroquina no tratamento do novo coronavírus, afirmou que foi suspensa pelo Hospital Albert Einstein. A revelação aconteceu duranteo SBT Brasil, na sexta-feira (10). 

"Eu recebi uma ligação hoje do diretor clínico do hospital, me informando que a partir desse momento eu não poderia estar exercendo as minhas funções no hospital, não poderia estar prescrevendo e nem atendendo os meus pacientes que já estão internados", contou ela em entrevista ao jornalista Roberto Cabrini. 

“Eles acreditam que a minha fala sempre em prol da hidroxicloroquina que eles consideram que não tem fundo científico denigre o hospital, porque todo mundo relaciona a minha presença à imagem do hospital. E eu sempre tenho colocado que eu não falo pelo hospital. Eu estou lá atendendo os meus pacientes, eu faço parte da oncologia, da imunologia, e eu faço a defesa da hidroxicloroquina porque eu tenho a certeza que ela cura nas fases iniciais. E eu insistindo que esse remédio pode curar pessoas, eu estaria indo na contramão daquilo que o hospital, com os seus médicos, com o seu corpo científico, decidiu”, disse Nise Yamaguchi.

Por Jamile Amine