Jacobina: Com sinais de embriaguez, empresário é preso após atropelar motociclista


Um empresário do ramo de confecções, identificado inicialmente como Vei, foi preso pela Polícia Militar no início da manhã deste domingo (30), após atropelar um motociclista na Avenida Raimundo Cedraz, próximo ao aeroporto de Jacobina – trecho da rodovia BR-324.

Segundo informações apuradas pelo Jacobina Notícias, por volta das 4h30 da madrugada, o comerciante, que segundo testemunhas apresentava sinais visíveis de embriaguez, seguia em alta velocidade em um veículo Cruze e atingiu o motociclista na pista. A vítima, que não teve a identidade divulgada, sofreu vários ferimentos e foi socorrida por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para a emergência do Hospital Municipal Antônio Teixeira Sobrinho (HMATS).

Manchas de sangue ficaram espalhadas na pista onde o acidente aconteceu. O estado de saúde do homem é desconhecido. 

Fuga e prisão

Após atingir o motociclista, o empresário fugiu do local do acidente. No entanto, por conta do forte impacto com a moto, o para-choque com a placa e pedaços do carro ficaram na margem na pista. O corpo do motociclista foi projetado contra o para-brisa do veículo, que também se quebrou.

Pouco depois, os policiais militares receberam uma denúncia anônima sobre um veículo suspeito, que estava estacionado nas imediações do colégio Padre Alfredo Haasler, no centro da cidade, sem o para-choque e com o para-brisa quebrado. Ao proceder na abordagem, os PMs perceberam que o empresário estava dormindo dentro do carro e visivelmente embriagado.

Vei foi preso em flagrante e conduzido para a delegacia de Polícia Civil, onde as medidas cabíveis estão sendo adotadas. Segundo a polícia, o comerciante tem histórico de envolvimento em acidentes de trânsito.

Jacobina Notícias - Conectando você com o mundo