Dicas Mundo do Saber: Como estimular a criatividade em uma criança

Como estimular a criatividade desde a infância? Uma criança criativa se desenvolve melhor na escola, se relaciona bem com os amigos e tem percepções ampliadas do mundo. As habilidades requeridas das crianças têm cada vez mais relação com aspectos psicológicos e sociais do que apenas a capacidade cognitiva.

A criatividade tem se tornado um requisito importante e deve ser estimulada para trazer mais felicidade à criança e ao futuro adulto. Além desse benefício, ela também melhora as habilidades socioemocionais e de cognição.

A importância do estímulo da criatividade
Muitas pessoas acreditam que apenas profissionais ligados à arte e cultura precisam ser criativos. Contudo, todo tipo de profissional precisa da criatividade para visualizar situações de forma diferenciada e encontrar soluções inovadoras. Assim, independentemente da carreira que seu filho escolherá no futuro, é importante fomentar esse pensamento criativo desde cedo.

Outro ponto importante é que os pais precisam ter cuidado com o excesso de regras, que pode acabar eliminando a criatividade da criança. Durante as brincadeiras imaginativas, as crianças criam personagens, atuam, manipulam situações e se expressam verbalmente e não verbalmente. Assim, é importante que os pais entrem na brincadeira e estimulem a capacidade criativa.

Uma criança criativa lida melhor com mudanças, soluciona problemas mais facilmente e age com mais inteligência emocional frente aos desafios. Por isso, os pais precisam criar ambientes criativos dentro de casa, que também ajudarão no fortalecimento do laço familiar.

7 dicas para estimular a criatividade

A criatividade infantil deve ser desenvolvida diariamente tanto na escola quanto em casa. Com pequenas atitudes, é possível aguçar o pensamento crítico e criativo da criança. Veja algumas dicas.

Invista no contato com a arte
Mesmo que seu filho não siga nenhuma carreira artística, é por meio desse contato inicial com a arte que muitas janelas criativas serão criadas. Por isso, estimule momentos de pintura, colagens e desenhos. Assim, os pequenos terão que pensar em formas de realizar o objetivo proposto, além de estarem trabalhando a coordenação motora e o pensamento lógico.

Invista em folhas de papel diferentes, tintas, canetas e giz de cera. Quanto mais opções para serem usadas, mais criativos serão os resultados. O teatro também é uma excelente forma de aguçar a criatividade. Durante as férias ou aos finais de semana, reúna os amigos do seu filho e estimule-os a criar uma peça teatral.

Promova um ambiente estimulante
O ambiente é capaz de modificar o modo como as pessoas pensam. Por isso o trabalho dos arquitetos com as cores e posicionamento de objetos e móveis é tão importante. Assim, também é interessante ter, pelo menos, um ambiente criativo na casa. Seja em uma brinquedoteca ou no próprio quarto do seu filho, as cores, os brinquedos, os jogos e outros elementos são preponderantes para estimular a atenção e fomentar as ideias.

Limite o uso de eletrônicos
A criatividade é aguçada com os desafios e as habilidades manuais e sensoriais propostos para as crianças. Portanto, o uso de eletrônicos como tablets, celulares e computadores, mesmo sendo ótimos aparelhos de entretenimento, não estimulam a criatividade e nem substituem as interações sociais. Como o seu conteúdo já é definido, é difícil que a criança inove nesse ambiente.

Deixe a criança com tempo livre
O ócio também é uma boa dica para estimular a criatividade. O excesso de informações e estímulos pode acabar sobrecarregando a criança. Por isso, proponha um tempo livre na rotina do seu filho para que ele fique sem nenhuma atividade programada. Ao ficar sem nada para fazer, a imaginação infantil terá mais espaço para funcionar e a criança poderá criar histórias, assim como propor ideias e brincadeiras totalmente novas.

Proponha atividades sensoriais
Uma das formas de estimular a criatividade é propondo atividades sensoriais para as crianças em que elas possam se sujar, sentir o cheiro do ambiente e a textura dos objetos. Brincadeiras com argila, massinha, papéis e tintas são ótimas ideias.

Incentive hobbies
Com o passar dos anos, é comum que as crianças abandonem as atividades das quais gostam pelas atividades impostas pela escola. Contudo, é importante que os pais incentivem a criação e manutenção de hobbies para os filhos. Essa é uma forma de a criança se manter conectada ao que gosta, experimentando e descobrindo coisas novas.

Portanto, se ela gosta de colecionar objetos, incentive-a com a organização, se ela gosta de atuar, procure uma escola de teatro, se ela gosta de cantar, procure um professor de canto, se ela gosta de dinossauros, leve-a a uma exposição sobre isso, dentre outros exemplos.

Estimule a criança a fazer perguntas
As crianças estão em intenso aprendizado e por isso fazem muitos questionamentos sobre tudo ao seu redor. Em vez de podar ou responder apenas com sim ou não, os pais devem encorajar as perguntas, pois elas são um meio independente de o seu filho pensar e se colocar no mundo.

Esse é o modo que as crianças encontram para construir sentido a tudo que as cerca e os pais podem rebater as perguntas com outros questionamentos que vão enriquecer o debate.

Portanto, estimular a criatividade das crianças é muito importante e extremamente fácil. Além disso, durante o processo, os pais devem se preocupar mais com o caminho criativo do que o resultado em si. Mostre que quanto mais o seu filho pintar, cortar, colorir e atuar, melhor será o resultado final, e que não há padrões de certo ou errado nesse sentido.

Os pais também precisam aprender como estimular a criatividade por meio do exemplo. Assim, além das atividades propostas em casa e na escola, os responsáveis devem incentivar o contato da criança com outras culturas e realidades. Mesmo que não seja possível fazer viagens para outros países, leve os pequenos a exposições, feiras, bibliotecas e circos. Afinal, tudo de diferente que acontece na rotina do seu filho servirá de base para novos pensamentos criativos. (Folha Vitória)

Conheça a Escola Mundo do Saber

São 12 anos proporcionando um ensino de qualidade através de uma equipe comprometida com a educação do seu filho, para torná-lo um vencedor. A Escola Mundo do Saber apresenta um serviço pensado no bem-estar do seu filho, com estrutura 100% acessível, atendimento psicopedagógico e institucional nas dependências da escola. Câmeras de segurança, sala de vídeo, brinquedoteca, aulas de empreendedorismo e musicalização, psicomotricidade nas aulas de educação física, Inglês e Espanhol, atividades coloridas e dinâmicas, onde seu filho aprende através das vivências lúdicas.

Rua Renato Rocha, 108 - Em frente ao Viela (74) 3621-7862