Header Ads

Na semana da Consciência Negra, estudante denuncia crime de racismo em Jacobina

Dois dias após o Dia da Consciência Negra, uma estudante de Serviço Social entrou em contato com a nossa redação nesta quarta-feira, 22, para denunciar um crime de racismo no município de Jacobina.



A jovem conta que durante uma discussão em viagem entre Jacobina e Junco, após se negar ao pedido do motorista de um micro-ônibus para liberar o assento preferencial para uma aluna gestante, o mesmo foi ofendido, sendo chamado de "negro de fut" por uma estudante.


Insatisfeita, a jovem contou ainda que a mesma aluna já havia ofendido um colega portador de deficiência física, chamando-o de 'burro e aleijado'. "Queremos o nosso motorista de volta. Somos negros e temos orgulho da nossa identidade", disse a jovem.


Segundo a jovem, o motorista acabou perdendo o emprego e decidiu prestar uma queixa na delegacia. Os estudantes estão dispostos a testemunhar a seu favor.



Fonte: Augusto Urgente

Comentários:

ATENÇÃO: Cada comentário representa a opinião pessoal do leitor. O Jacobina Notícias não se responsabiliza pelas opiniões expostas aqui. No entanto, comentários ofensivos ou com xingamentos podem ser removidos.
Tecnologia do Blogger.