Header Ads

No adeus aos ringues, Popó cai, se recupera e vence por pontos

Dono de quatro títulos mundiais, o boxeador baiano Acelino Popó Freitas, 42 anos, pendurou as luvas após vencer, por pontos, o mexicano Gabriel "El Rey" Martinez, em Belém (PA), na madrugada deste domingo (12).



Um dos maiores boxeadores da história do país, ele levou a melhor no combate por decisão unânime, mas sofreu uma queda (knockdown). Nos oito combates, as pontuações dos três juízes foram 75×74, 76×73 e 75×74.


“Quarenta e dois anos não é mais 32. Foi bom parar assim. Se a gente para com nocaute seria golpe de sorte, ficaria com um gosto de quero mais, mas quis trazer um adversário bom, para valorizar a vitória. Obrigado. Se a gente não fizer as loucuras, nunca vamos saber quem verdadeiramente somos”, declarou o emocionado Popó, após a luta.


Tetracampeão mundial, Popó se despede do boxe com 40 vitórias (34 nocautes e duas derrotas). Os títulos mundiais são pelos superpenas e leves. Popó não lutava desde 2015, quando venceu o argentino Mateo Damian Veron, por nocaute no terceiro assalto, em Santos.


Na luta desta madrugada, ele começou bem a luta, levou a melhor no primeiro round, mas depois sofreu para vencer. No segundo round, o mexicano chegou a derrubar Popó, que se recuperou, viu o rival ser punido e, ao término do combate, saiu vitorioso.


Comentários:

ATENÇÃO: Cada comentário representa a opinião pessoal do leitor. O Jacobina Notícias respeita totalmente seu direito fundamental à liberdade de expressão, sinta-se a vontade. No entanto, comentários ofensivos ou com xingamentos podem ser removidos sem aviso prévio.
Tecnologia do Blogger.