Header Ads

Saída de Salvador segue tranquila; veja situação do trânsito e das travessias

Mesmo com o feriadão do dia de Finados, celebrado nesta quinta-feira, 2, o trânsito está tranquilo nas principais vias de Salvador. Conforme a Superintendência de Trânsito (Transalvador), o tráfego na capital baiana segue sem nenhum ponto de retenção nem lentidão.



Ó órgão municipal também afirma que, em razão do feriado, foi preparado um esquema específico para evitar grandes congestionamentos e pontos significativos de retenção na cidade. O monitoramento ocorre nos horários de pico, na saída e entrada da cidade e nos centros de compras populares e adjacências.



Rodoviária


Na Estação Rodoviária de Salvador, o fluxo de passageiros segue tranquilo, segundo a Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba). De acordo com a assessoria do órgão, a expectativa é que 38 mil passageiros passem pelo terminal. Caso a demanda aumente, as empresas de ônibus disponibilizarão novos horários.



Travessias


Seis embarcações fazem a travessia entre Salvador e Itaparica pelo ferryboat neste feriado. As saídas das embarcações ocorrem a cada 30 minutos, segundo informações da Internacional Travessias. O fluxo é considerado intenso para veículos e pedestres no Terminal São Joaquim (Salvador) e tranquilo para ambos no terminal Bom Despacho (Ilha).


Já a linha marítima Salvador-Mar Grande opera com oito embarcações, que saem a cada 30 minutos dos terminais de Vera Cruz, ilha de Itaparica e no terminal Náutico, localizado no bairro do Comércio. Conforme a Associação dos Transportadores Marítimos da Bahia (Astramab), o fluxo de passageiros é tranquilo nos dois terminais.


A linha Salvador-Morro de São Paulo tem fluxo moderado. Os horários de saída da capital começaram às 8h30 e os seguintes são 9h, 10h30, 13h e 14h30. Para a volta, os passageiros encontram embarcações às 9h, 11h30, 13h e 15h.


Comentários:

ATENÇÃO: Cada comentário representa a opinião pessoal do leitor. O Jacobina Notícias não se responsabiliza pelas opiniões expostas aqui. No entanto, comentários ofensivos ou com xingamentos podem ser removidos.
Tecnologia do Blogger.