Header Ads

Marte está em posição mais próxima da Terra desde 2003


As luzes das grandes cidades costumam ofuscar o brilho das estrelas e dos planetas que estão mais próximos da Terra, o que torna mais complicado visualizar estes corpos celestes. Entretanto, até setembro deste ano Marte estará com um brilho mais intenso que o comum, possibilitando em alguns ponto observar o planeta vermelho a olho nú.

Este fenômeno, segundo o (N-EXPERTS) é chamado de 'brilho oposto' e se deve ao alinhamento de um planeta com o Sol. Marte está alinhado com o Sol em linhas opostas, enquanto a Terra está no meio do caminho.

Devido as órbitas regulares dos planetas em torno do Sol, este fenômeno acontece a cada 26 meses, a diferença é que agora Marte está o mais próximo possível da Terra, a última vez que isso ocorreu foi em 2003. E o fenômeno só se repetirá daqui a no mínimo 15 anos.

A proximidade do planeta vermelho com a Terra, além da sua maior luminosidade devido ao alinhamento com o Sol, torna este período ideal para a observação de Marte.

Com informações do Notícias ao Minuto

Comentários:

ATENÇÃO: Cada comentário representa a opinião pessoal do leitor. O Jacobina Notícias não se responsabiliza pelas opiniões expostas aqui. No entanto, comentários ofensivos ou com xingamentos podem ser removidos.
Tecnologia do Blogger.