Ronaldinho e Assis são presos após ordem da Justiça do Paraguai


A Justiça do Paraguai decretou na noite desta sexta-feira (6) ordem de prisão contra Ronaldinho e Assis, como forma de evitar a saída dos dois do país durante as investigações sobre o caso dos documentos falsos carregados pelos ex-jogadores na entrada em território paraguaio. 

Os brasileiros foram detidos no hotel onde se hospedavam na capital Assunção em medida preventiva das autoridades locais.

A informação foi inicialmente publicada pelo jornal ABC Color e confirmada pelo UOL Esporte com Gilberto Fleitas, diretor de Investigação de Fatos Puníveis da Polícia Nacional.

Fonte: Uol