Na noite desta quinta-feira (9), a Executiva Municipal do Partido Comunista do Brasil (PCdoB) anunciou medidas que serão tomadas em relação ao vereador Valnei dos Anjos (PCdoB), acusado de agredir fisicamente a servidora municipal Ellen Mascarenhas, diretora de Comunicação da Prefeitura de Jacobina.

Em nota divulgada à imprensa, o presidente do Diretório Municipal do PCdoB, Maurício Teixeira de Morais, informa que a legenda resolveu, dentre outras medidas, “suspender a filiação ao partido do referido vereador, enquanto tramita o processo interno que prevê amplo direito de defesa para os processados”, sendo que durante o período de tramitação do processo interno, o parlamentar “não mais poderá falar em nome do partido”.

Veja abaixo a íntegra da nota:

A Executiva Municipal do PCdoB – Jacobina reunida no dia 09 de junho de 2022, discutiu os acontecimentos envolvendo a inaceitável agressão do vereador Valnei dos Anjos à Diretora de Comunicação da Prefeitura de Jacobina e tomou a seguinte deliberação:

1 – Abrir um processo interno de apuração do caso, conforme prevê nosso estatuto, para posterior adoção das medidas cabíveis;

2 – Suspender a filiação ao partido do referido vereador, enquanto tramita o processo interno que prevê amplo direito de defesa para os processados;

3 – O vereador não mais poderá falar em nome do partido no período de tramitação do processo interno.

Reafirmamos que o Partido Comunista do Brasil considera a política de valorização e respeito às mulheres uma questão essencial na luta por um novo projeto nacional de desenvolvimento. Não toleramos qualquer forma de discriminação, preconceitos ou atos de violência contra a mulher.

Viva a luta pela emancipação das mulheres. Não à misoginia!

Toda solidariedade à companheira agredida e aos familiares.

Fonte: Jacobina 24 Horas

Comentários

Postagem Anterior Próxima Postagem