Header Ads

Membro do xadrez do crime em Jacobina é preso em hospital de Feira de Santana


Fernando Henrique Amorim da Silva, o Nego Rê, de 23 anos, foi preso na noite de segunda-feira (2) após ter sido vítima de uma tentativa de homicídio na cidade de São Gonçalo dos Campos, na região de Feira de Santana. Nego Rê é um peão do 'Xadrez do Crime' - criação da Polícia Civil de Jacobina que utiliza nomes de criminosos como peças do tabuleiro do jogo, para identificar os membros de uma facção criminosa que atua na região. Conforme a polícia, Nego Rê é acusado cometer vários homicídios e de tráfico de drogas na região de Jacobina.

Segundo a Polícia Civil de São Gonçalo dos Campos, após ser baleado no Bairro Murilo, Nego Rê foi socorrido para o Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), em Feira de Santana, onde permaneceu internado para cuidar do ferimento. Ele deu entrada na unidade utilizando documentos do irmão, Fabrício Amorim da Silva, porém levantou a suspeita da polícia devido a naturalidade jacobinense. Em contato com a 16ª Coorpin, os policiais civis de São Gonçalo enviaram fotos do suspeito para os investigadores de Jacobina, que disseram não ser Fabrício, mas sim o irmão dele, Fernando Henrique, o Nego Rê do Xadrez do Crime. Diante da informação, a Polícia Técnica colheu digitais de Nego Rê e confirmou sua identidade.

Decapitou adolescente em Jacobina

Nego Rê começou cedo no mundo do crime. Quando ainda era menor de idade, ele matou um adolescente em Jacobina e o decapitou. Ele foi preso em flagrante e vai responder também por crime de falsidade ideológica. Segundo a polícia, Nego Rê deve ter alta do hospital hoje (4) e vai ser conduzido para a delegacia, onde vai ser interrogado.

Fonte: Jacobina Notícias

Comentários:

ATENÇÃO: Cada comentário representa a opinião pessoal do leitor. O Jacobina Notícias não se responsabiliza pelas opiniões expostas aqui. No entanto, comentários ofensivos ou com xingamentos podem ser removidos.
Tecnologia do Blogger.