Header Ads

Acusado de estupro em Jacobina, Marcus deixa prisão e irá responder em liberdade


Após passar meses custodiado no Complexo Policial de Jacobina, Marcus Rodrigues Machado, 34 anos, ganhou a liberdade após uma audiência ocorrida nesta quinta-feira (10) no fórum da cidade de Capim Grosso. Marcus responde por dois crimes relacionados a estupro, sendo um deles contra vulnerável e outro de uma jovem de 18 anos.

Segundo a acusação, ele teria abusado sexualmente de uma adolescente, no ano 2014, na cidade de Capim Grosso. No segundo caso, e que ganhou notoriedade em todo o estado, Marcus é acusado de ter estuprado uma jovem no réveillon de 2017, dentro da boate Mirante, em Jacobina. Os advogados de Marcus haviam conseguido na justiça um Habeas Corpus no caso que envolve o suposto estupro na boate em Jacobina. Já no caso do abuso de vulnerável em Capim Grosso, o juiz decidiu também por sua soltura. Agora, ele vai responder às duas acusação em liberdade.

Marcus nega ter cometido os crimes. No caso que envolve o suposto estupro de uma jovem natural de Senhor do Bonfim, ele afirma que o ato sexual foi consentido. Um vídeo em que mostra os dois juntos na casa noturna foi divulgado pelo site Bahia Notícias, mas foi removido das mídias sociais após determinação da Justiça. Nas imagens, os dois retornam de mãos dadas do local onde teria acontecido o estupro.

Fonte: Jacobina Notícias

Comentários:

ATENÇÃO: Cada comentário representa a opinião pessoal do leitor. O Jacobina Notícias não se responsabiliza pelas opiniões expostas aqui. No entanto, comentários ofensivos ou com xingamentos podem ser removidos.
Tecnologia do Blogger.