Header Ads

Homem é preso após agredir funcionária do Hospital Municipal de Jacobina


Um homem ainda não identificado foi conduzido pela Guarda Municipal para a delegacia na noite desta quinta-feira, 20, após ter agredido uma funcionária do Hospital Municipal Antônio Teixeira Sobrinho (HMATS), em Jacobina. 

Segundo informações, o homem teria tentado entrar no hospital para fazer uma visita, porém o horário já havia encerrado. Inconformado por não ter tido acesso, ele teria ficado agressivo, discutiu com a funcionária, quebrou equipamentos eletrônicos da recepção e a agrediu fisicamente. Após a agressão e tumulto causados pelo agressor e familiares dele, a Guarda Municipal solicitou apoio da Polícia Militar e conduziu o acusado para a Depol. Até o fechamento da matéria, às 21h, vítima e agressor estavam prestando depoimentos para o delegado plantonista. O homem e seus familiares seriam moradores do município de Caém. Um parente deles está internado no HMATS, enfrentando problemas de saúde.

Em contato com a Guarda Municipal, um dos GCMs que conduziu o acusado contou que "pediu para os familiares acalmarem o homem, pois ele estava agressivo. Mas, ao invés de acalmá-lo, eles se juntaram e deram início a um tumulto generalizado, inclusive com agressões a funcionária e ameaças aos guardas, sendo preciso o uso da força para conter o agressor".

Mais segurança

A testemunha ocular do ocorrido, que preferiu não ser identificada, contou que ouvir alguns colaboradores reclamando da falta de segurança no hospital. Eles pediam uma presença mais efetiva da Guarda Municipal, em período integral. Segundo ele, "as guarnições fazem paradas breves no hospital, depois das rondas feitas pela cidade, e que na ausência deles, em algum espaço de tempo, pode acontecer um problema de agressão como o de hoje. Não tem mais guardas de dia, só de noite, mas não é fixo aqui no Teixeira", relatou, destacando que no momento do tumulto houve a ação da Guarda Municipal.

Fonte: Jacobina Notícias

Comentários:

ATENÇÃO: Cada comentário representa a opinião pessoal do leitor. O Jacobina Notícias não se responsabiliza pelas opiniões expostas aqui. No entanto, comentários ofensivos ou com xingamentos podem ser removidos.
Tecnologia do Blogger.