Carnaval de Itaitu é sucesso, e reforça o ecoturismo em Jacobina


Foram dois dias de muita gente bonita, música de qualidade é uma vila que com suas serras abraça a todos os turistas e visitantes. Assim foi o Itaitu Folia 2020, no interior de Jacobina.

Com uma rede hoteleira pequena, as casas, flats e villages passaram a ser o rumo daqueles que pretendiam ficar na localidade por diversos dias, e desta forma os aluguéis de imóveis também aqueceram a economia local. A rede gastronômica foi aquecida como nunca, chamando a atenção dos empreendedores de que há espaço para novos negócios em Itaitu. Tanto os empresários locais como ambulantes tiveram um movimento acima do esperado durante a festa.

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Jacobina mostrou enorme eficiência, dispondo de equipe técnica durante todo o evento, com prepostos nas cachoeiras mais visitadas durante o dia. Já no período noturno, a equipe permaneceu no Casarão de Cultura como ponto de apoio. A Diretoria de Turismo, desde a sexta-feira, por meio de emissoras de rádio e redes sociais, informou sobre os condutores ambientais e guias que estavam a serviço, proporcionando que a cadeia produtiva, de modo geral,  pudesse funcionar de forma eficaz em Itaitu. 

O prefeito de Jacobina, Luciano da Locar, fez um balanço nesta segunda-feira (24), sobre o que representa o Carnaval de Itaitu para Jacobina neste momento. “É um evento que a nossa gestão apostou, chamando a iniciativa privada para investir na comunidade a exemplo do acesso à cachoeira Véu de Noiva. A Diretoria de Turismo e a Secretaria de Meio Ambiente têm trabalhado nestes quatro anos em parceria com o Projeto Verão Consciente, onde iniciamos desde o mês de novembro. Neste carnaval, as medidas de conscientização ao meio ambiente foram redobradas. Contamos com o apoio do SMTT, Polícia Militar e Guarda Municipal durante todos os dias, proporcionando segurança ao cidadão. Tudo que ocorreu durante o evento foi dialogado com a comunidade, com os comerciantes e lideranças, e temos convicção de que, a partir de 2021, vamos melhorar o padrão do evento, proporcionando ainda mais visibilidade para Itaitu, que já ultrapassou as fronteiras da Bahia e do Brasil, levando Jacobina para o mundo” , disse Luciano.