Polícia prende assassino de Rafaela; jovem foi morta em Lapão, a mando de fisioterapeuta


A investigação deu início após a jovem Rafaela Gomes de Souza, 27 anos, ter desaparecido no dia 20 de novembro de 2019, na cidade de Lapão, região de Irecê. Com o início das investigações, a Polícia Civil conseguiu efetuar a prisão de Ramon da Silva, sendo, posteriormente, encontrado o corpo de Rafaela enterrado em Lixão na cidade de Irecê

No mesmo dia, Alfredo Victor, que já havia confessado o crime supracitado em outra oportunidade, entregou-se à Polícia Civil da cidade de Juazeiro. Porém, outro envolvido diretamente no brutal crime, identificado como Eriton Dias dos Santos, o 'Rato', conseguiu fugir. 

Dando andamento as investigações, foi possível identificar o paradeiro de Rato, que estava desde novembro na cidade de Franca-SP. De posse dessas informações, a Polícia Civil baiana, em contato com a Polícia Civil da cidade de Franca-SP, juntou esforços e logrou êxito na manhã desta quinta-feira (16).

Eriton, o 'Rato', assassino de Rafaela, acabou sendo preso. Ele possui em aberto dois mandados de prisão decretados pela justiça da Bahia, ambos por homicídios. A prisão de Rato deve elucidar por completo o assassinato de Rafaela.

Redação Jacobina Notícias / Informações da 14ª Coorpin